segunda-feira, 30 de julho de 2012

Material elétrico para a iluminação da fachada

Solicitei a ajuda de um profissional para o projeto luminotécnico, que tinha por objetivo ultrapassar a funcionalidade da iluminação ao viabilizar a distribuição de luz uniformemente pela extensão da fachada da casa,  criando um espaço aconchegante com os chamados efeitos luminosos.
Foi recomendado os seguintes materiais elétricos pelo profissional:



- Alojamento para embutido de piso, modelo UL 38: a peça é de alumínio e policarbonato com pintura eletrostática. É um acessório importante pois serve para proteger o spot embutido de solo, evitando fuga de corrente e elevando a vida útil.
- Spot embutido de solo em alumínio e pintura eletrostática preta para lâmpada Par 38 halógena 100 watt .
Esse material será instalado no canteiro da árvore para iluminação das plantas.



- Spots embutidos de solo redondo em alumínio e pintura eletrostática branca, ideal para iluminação decorativa, para lâmpada Par 20 halógena 50 watt. 
Esses spots serão instalados próximos as duas colunas do portão de pedestre, com o objetivo de ajudar a identificar o número da casa e a visualização do display quando o interfone é acionado.




Luminária em alumínio, pintura eletrostática branca, com cúpula de vidro para lâmpada luz do dia suave, instalada no muro.



Esses materiais elétricos foram comprados na loja de iluminação Led Luz.




"Todos querem o perfume das flores, mas poucos sujam as suas mãos para cultivá-las."  Augusto Cury

sábado, 21 de julho de 2012

Vários modelos de calçada

Após uma pesquisa na internet decidimos que o revestimento de piso em pedra para a calçada é uma ótima opção pela durabilidade e beleza, além de ser antiderrapante e de fácil manutenção.
O site http://www.pisodepedra.com.br/galeria/pisos-e-calcadas ajudou muito na hora da escolha da pedra ideal, com fotos detalhadas de diferentes modelos de calçadas. 
Há pedras para área externa disponíveis em vários tamanhos, cores, modelos e espessuras, sendo possível assentá-las combinando cores e variando a forma da disposição entre elas, criando um efeito muito bonito.
Postei algumas fotos de calçadas para você conferir:

Pedra Miracema 11,5 X 23cm


 Pedra Miracema e pedra Madeira rosa


 Pedra Miracema e pedra Madeira rosa


 
Pedra Madeira amarela envelhecida


Pedra Madeira amarela envelhecida


Pedra Madeira rosa média


 
Pedra Madeira rosa média



Pedra Portuguesa mesclada



Pedra Portuguesa preta e branca



Pedra portuguesa vermelha


 
Pedra Portuguesa vermelha e branca


Pedra São Tomé amarela 15 X 15cm


Pedra São Tomé amarela 22 X 47cm



Pedra São Tomé amarela irregular



Pedra São Tomé amarela



Pedra São Tomé branca irregular




Pedra Basalto irregular



Pedra São Tomé amarela irregular



Pedra lousa 10 X 10 cm


 

Pedra Lousa 20 X 20cm


quinta-feira, 5 de julho de 2012

Visual contemporâneo para a fachada











 
Escolhemos a pedra Goiás verde para o piso por ser anti-derrapante, pela sua resistência e pela sua beleza.


 










Seu formato é serrado em tamanhos diversos o que proporciona um visual diferênciado marcando sua característica em peças grandes e pequenas, quadradas e retangulares, causando esse efeito de mosaico dando um ar contemporâneo ao espaço. 


 



Alguns detalhes foram contemplados conferindo harmonia a nova fachada, como: o roda-pé sobre a falsa parede de gesso acartonado, a soleira da porta veneziana em granito Ouro Brasil, o mesmo do peitoril das janelas,  














e ainda,  a instalação do projetor de solo UP Light para lâmpada PAR20 de 50W.
A noite a luz do refletor destaca a parede de tijolo aparente,  proporcionando um visual acolhedor.

quarta-feira, 4 de julho de 2012

Gesso acartonado foi a solução


A casa retrata as características da época em que foi construída, como o pé direito alto, o qual dá a impressão de alongar as paredes e estreitar os espaços. 


 

Pensando na tendência atual de rebaixar o pé direito, foi que a arquiteta sugeriu a tabica, que são esses perfis de alumínio presos nas paredes laterais, onde são encaixadas as placas de gesso acartonado.














O gesseiro rejuntou as placas e recortou o formato que será o local das luminárias no teto.
Com o gesso acartonado também pude esconder o vão na parede que estava comprometendo esteticamente o visual por causa da porta de correr















O gesseiro criou uma falsa parede deixando um espaço para a porta correr,



e ainda colocou o "perfil  U " completando a decoração da parede.



domingo, 1 de julho de 2012

Forro em madeira é um charme...



Na antiga fachada da casa as telhas e as vigas de madeira eram mantidas aparentes.















Como o beiral é largo na atual reforma, optamos por colocar um forro em madeira garapeira. Em Campinas, não são todas as madeireiras que trabalham com essa madeira. Comprei na Madeireira Jari. 


 













Dei preferência pela madeira garapeira por ser resistente as intempéries, e também porque é cor de mel, semelhante a  madeira frejó, da porta de entrada da casa.
Achei que ficou bem bacana. Um charme!